Um aneurisma da aorta abdominal é uma área ampliada na parte inferior da aorta, o principal vaso sanguíneo que fornece sangue ao corpo. A aorta é como uma mangueira de jardim, leva o sangue  de seu coração correr até o abdômen.

Como a aorta é o principal fornecedor de sangue do corpo, um aneurisma rompido da aorta abdominal pode causar hemorragia potencialmente fatal.

Dependendo do tamanho e da taxa em que seu aneurisma da aorta abdominal está crescendo, o tratamento pode ser uma cirurgia de emergência.

Uma vez que um aneurisma aórtico abdominal é encontrado, os médicos irão acompanhá-lo de perto para que a cirurgia possa ser planejada, se for necessário. A cirurgia de emergência para a ruptura do aneurisma da aorta abdominal pode ser arriscada, por isso, é sempre válido tomar atitudes de prevenção.

Os aneurismas foram abordados com maiores detalhes e maior ênfase em

salveseucoracao-

 

avc-acidente-vascular-cerebral-

 

 

           Aneurisma: Uma das manifestações mais perigosas de doença cardiovascular é aneurisma aórtico, um abaulamento da maior artéria do corpo que pode levar à ruptura, uma emergência cirúrgica potencialmente fatal. Os pesquisadores descobriram que 68% dos adultos com aneurisma da aorta abdominal tinham elevados níveis de homocisteína, em comparação com apenas 6% dos indivíduos não afetados. Os pacientes com aneurisma apresentaram nível médio de homocisteína de 19,4 μmol / L, comparado a 10,9 μmol / L entre adultos não afetados.

           Aneurisma: Pessoas que têm altos níveis de homocisteína podem ter um risco oito vezes maior de aneurisma da aorta abdominal. Quando um aneurisma se rompe, sangramento fatal pode ocorrer a menos que o paciente receba pronto atendimento cirúrgico.

  Felizmente, podemos modular os níveis elevados de homocisteína usando terapias de ervas medicinais e nutricionais, como vitaminas B6 e B12, ácido fólico e trimetilglicina. Estas importantes estratégias podem nos ajudar a evitar a grande variedade de doenças que estão relacionadas aos níveis excessivos de homocisteína.

 

       Os efeitos antianeurismas de algumas dessas plantas medicinais foram validados. No entanto, o conhecimento precisa ser mostrado para a população e para os médicos. Nas últimas três décadas, muitos esforços foram canalizados para pesquisar as plantas com valores terapêuticos e preventivos dos aneurismas.

 

Aneurisma Aórtico

O aneurisma da aorta abdominal está associado ao estresse oxidativo e / ou à depleção de antioxidantes. 

Pubmed 3809168  Publicado  01 / 02/ 1987 Tipo de Estudo  Estudo Humano

A aterosclerose calcificada está diretamente implicada na patogênese da aorta abdominal e das artérias ilíacas. Pubmed 18515037 Publicado 01 /07/ 2008 Tipo de Estudo  Estudo Humano

A doença aneurismática e oclusiva da aorta abdominal humana está associada ao estresse oxidativo e / ou à depleção de antioxidantes.

Pubmed  9893167 Publicado: 01 /01/ 1999 Tipo de Estudo  Estudo Humano

Hipertensão e níveis baixos de antioxidantes estão associados com a patogênese do aneurisma abdominal.

Pubmed. 1998004   Publicado 01 /03/ 1991 Tipo de Estudo Estudo Humano

A deficiência de vitamina B6 é um fator de risco independente para aneurisma da aorta abdominal.

Pubmed  17398378 Publicado 01/04/2007 Tipo de Estudo  Estudo Humano

A curcumina pode ter um efeito benéfico nos aneurismas de aorta degenerativos.

A inflamação crônica e a destruição proteolítica da elastina medial são mecanismos chave no desenvolvimento de aneurismas de aorta abdominal. A curcumina é um componente principal da Cúrcuma-longa, que mostrou ter propriedades anti-inflamatória. A administração oral de curcumina suprime citocinas pró-inflamatórias e remodelação destrutiva do tecido conjuntivo em aneurismas de aorta abdominal experimental. A possibilidade de que a ingestão de curcumina possa ter um efeito benéfico nos aneurismas de aorta degenerativos justifica maior consideração. Estes estudos demonstram pela primeira vez que a administração oral de curcumina pode suprimir o desenvolvimento de Aneurismas experimentais, juntamente com a preservação estrutural de fibras de elastina medianas e a expressão reduzida da parede aórtica de várias citocinas, quimiocinas e proteinases conhecidas por mediar a degeneração aneurismática. Resumo da Fonte:  16779518 Publicado 01/05/2006 Tipo de Estudo : Estudo Animal

Espero que a lista possa ajudá-lo.

Obs: há mais estudos como estes acima relacionados mostrando outras fitossubstâncias que ajudam na prevenção e no tratamento, mas estão disponíveis apenas para os alunos do curso de Fitoterapia online e dos colaboradores financeiros do site tiaxica.com
 

Ao clicar nos números grifados você será direcionado ao resumo da publicação científica.

 

 

         É importante acentuar no hábito alimentar diário o uso das plantas medicinais, alimentares e as fitossubstâncias que tiveram suas eficácias antiplaquetária, antitrombótica, vasodilatadora, antihipertensiva, antiaterogênica, anticoagulante e anti-inflamatórias confirmadas. Há  vários estudos que indicam evidências de eficácias de Fitossubstâncias  com as ações acima relacionadas.

A lista das fitossubstâncias com essas acões farmacológicas acima mencionadas, bem como os links das evidências científicas dos respectivos estudos, já estão disponíveis apenas para os alunos do curso de Fitoterapia online e dos colaboradores financeiros do site tiaxica.com
 

 

Pesquisar no site

Ervas Medicinais Fonte de Saúde e Longevidade

Ervas Medicinais Fonte de Saúde e Longevidade