Tomilho

         Tomilho vem da palavra grega "timo", que significa coragem. Tem sido transmitida de curandeiro para curandeiro durante séculos. Tomilho é uma erva comum com um passado místico, onde os soldados gregos antigos usavam a planta antes da batalha para reforçar sua coragem. Parece também que o tomilho pode ajudar a respirar melhor.

        As virtudes do tomilho: Graças aos seus componentes, o tomilho possui propriedades antissépticas e exerce uma ação notável sobre os estados febris, as tosses, nomeadamente a tosse convulsa das crianças, e as bronquites. É excelente para a tosse, bronquite e asma. Também alivia a dor de garganta, por isso é uma ótima opção, quando bateu uma infecção respiratória é só fazer em infusão (chá) e inalar os vapores.

 

Utilizações:

       Esta maravilhosa planta facilita a digestão e descontrai os músculos, pelo que constitui um ótimo calmante do sistema nervoso, revelando-se por isso um eficaz antiespamódico, sobretudo a nível dos intestinos e do estômago. Igualmente de salientar a sua ação benéfica em casos de angústia, stress e enxaqueca.

       No caso de gripe (com ou sem tosse), beba o chá o mais quente possível e, se tiver as vias nasais obstruídas, inspire ao mesmo tempo o vapor que se liberta. Uma colherzinha de mel serve para adoçar o chá e reforça o efeito no caso de tosse renitente.

      No caso de gengivas ou garganta inflamada, os gargarejos à base de tomilho fazem maravilhas, e já existem algumas preparações farmacêuticas que contêm um dos seus constituintes principais, o timol. O tomilho é um antibiótico natural.

      Nos casos de depressão, astenia e esgotamentos, os banhos quentes com tomilho são tonificantes e revitalizantes, um verdadeiro estímulo natural.

       Se for feito num cataplasma, que pode ser usado para as irritações da pele. A erva também tem antifúngico, expectorante, diurético, antibiótico, antiparasitário, e usos antissépticos. Por último, o tomilho é maravilhoso para desintoxicação do fígado.

      Há ainda alguém que nunca tenha usado o tomilho em culinária ou em chás? Certamente, sim. Infelizmente, não sabem o que estão perdendo. Quer fresco ou seco, o sabor ligeiramente picante do tomilho faz maravilhas no tempero de saladas, assados, grilhados, guisados e tantos outros pratos.

 

Na forma de chá: basta ferver alguns folhas em água por 2 minutos, deixe esfriar. OBS: contar os minutos a partir do momento que iniciou a fervura. Dose: 1 colher de sopa rasa da folha para 3 xícaras de água ( 400 ml).

Licores: Há quem o utilize também para fazer licores, e os monges beneditinos são conhecidos pelo famoso elixir que fabricam, do qual um dos ingredientes é o tomilho.

Na Idade-Média, Santa Hildegarde - que viveu no séc. XII - recomendava o tomilho para tratar a lepra, a paralisia, e também contra os piolhos. Mais próximo de nós, no séc. XVII, havia quem dissesse que o tomilho dissipava a melancolia e evitava os pesadelos!

 

       Cultivo: O tomilho é uma planta vivaz que se multiplica por estaca, mergulhia e divisão dos maciços, o que deve ser feito com muito cuidado porque as raízes finas não apreciam ser transplantadas. Claro que se reproduz igualmente por semente. Gosta de um solo leve, bem drenado (até seco) e exposto ao sol. O espaço recomendado entre cada planta é de 30 cm.

        No jardim, o tomilho faz uma linda cercadura num canteiro, e é igualmente empregue para cobrir o solo e evitar a propagação das ervas daninhas, com a vantagem de ainda por cima cheirar bem. Mas é sem dúvida no jardim rochoso que ele se mostra mais decorativo.

        Perfeito para vasos em ambientes urbanos ou ao longo das bordas de jardim em áreas mais rurais, tomilho vai melhor em pleno sol. Basta colocar dentro de casa e movê-lo fora depois que o perigo da geada passou. Ele prefere um pH do solo de 7,0, mas ele vai crescer bem, mesmo que o solo não é alcalino.

        O tomilho é muito usado em perfumaria, especialmente no sabonete. E ainda hoje, como antigamente, queima-se esta maravilhosa planta para perfumar as casas (pots-pourris) e até as igrejas... e também para afugentar os insetos. Quer em infusão ou em decocção, o tomilho é também eficaz contra o míldio e o oídio das plantas; e igualmente contra o piolho e os coleópteros e a larva do mosquito.

 

            E, para mostrar a grande importância do tomilho, ele também não foi esquecido na literatura. Na sua peça "Oberon", Shakespeare diz que o rei dos gnomos sabe "onde cresce o tomilho selvagem". O tomilho selvagem é o mais apreciado pela sua elevada concentração de óleos essenciais.

 

Origem do nome: o nome latino thymus vem da palavra grega thymon que significa "coragem" e a planta é símbolo de Coragem, Atividade, Bravura, Felicidade, Energia e Afeto.

         O tomilho é muito usado em perfumaria, especialmente no sabonete. E ainda hoje, como antigamente, queima-se esta maravilhosa planta para perfumar as casas (pots-pourris) e até as igrejas... e também para afugentar os insetos. Quer em infusão ou em decocção, o tomilho é também eficaz contra o míldio e o oídio das plantas; e igualmente contra o piolho e os coleópteros e a larva do mosquito.

 

O óleo essencial de tomilho é citotóxico para células de câncer de ovário humano resistente à quimioterapia.

Pubmed: 17934650 Publicado 01 / 11/ 2007 Estudo In Vitro

 

Extrato de tomilho tem ações antibacterianas.

Pubmed 18614414 Publicado 01 / 07/ 2008 Estudo In Vitro

 

Extrato de tomilho pode ajudar em doenças relacionadas com a hiper-reagibilidade da endotelina do sistema brônquico, tais como asma e DPOC.

Pubmed 18729040 Publicado: 01 /01/ 2000 Estudo In Vitro

 

O óleo de tomilho exibiu uma atividade de espectro largo contra bactérias alimentares.

Pubmed: 27476949 Publicado 31 /12/ 2015 Tipo de Estudo: Estudo In Vitro

 

O timol do tomilho inibe o biofilme de Candida albicans.

Pubmed 18329858 Publicado 1/06/2004 Estudo In Vitro

Obs: há mais estudos como estes acima relacionados mostrando a eficácia do tomilho na prevenção e no tratamento de diversas doenças, já estão disponíveis apenas para os alunos do curso de Fitoterapia online e dos colaboradores financeiros do site tiaxica.com
 

Ao clicar nos números grifados você será direcionado ao resumo da publicação científica.

 

 

Thymus vulgaris  Folhas frescas,
Valor nutritivo por 100 g.

(Fonte: Base de Dados Nacional de Nutrientes do USDA)

Princípio

Valor nutritivo

Percentagem de RDA

Energia

101 Kcal

5%

Carboidratos

24,45 g

18%

Proteína

5,56 g

10%

Gordura total

1,68 g

8,4%

Colesterol

0 mg

0%

Fibra dietética

14,0 g

37%

Vitaminas

 

 

Folatos

45 μg

11%

Niacina

1,824 mg

11%

Ácido pantotênico

0,409 mg

8%

Piridoxina

0,348 mg

27%

Riboflavina

0,471 mg

36%

Tiamina

0,48 mg

4%

Vitamina A

4751 UI

158%

Vitamina C

160,1 mg

266%

Eletrólitos

 

 

Sódio

9 mg

0,5%

Potássio

609 mg

13%

Minerais

 

 

Cálcio

405 mg

40,5%

Ferro

17,45 mg

218%

Magnésio

160 mg

40%

Manganês

1,719 mg

75%

Manganês

106 mg

15%

Zinco

1,81 mg

16,5%

Fitonutrientes

 

 

Caroteno-ß

2851 μg

-

 

Pesquisar no site

Ervas Medicinais Fonte de Saúde e Longevidade

Ervas Medicinais Fonte de Saúde e Longevidade